domingo, 18 de março de 2007

Procurar

Procurei-te nas pétalas de uma flor
mas não te descobri
Procurei-te num raio de calor
mas não te achei
Procurei-te num gesto de amor
e não te encontrei.

Abri os olhos sobre verdes prados
fixei-os longamente no espaço
Gritei... e apertei...
mas vazio ficou meu abraço.

Procurei-te por todo o mundo,
procurei-te não apenas por um segundo,
mas só descobri... silêncio profundo...

TST

1 comentário:

Dual disse...

E tu? Onde andas? :)